5 dicas para você tirar o intercâmbio do papel

    11/02/2019

    5 dicas para você tirar o intercâmbio do papel

    Viajar para fora do país é o sonho de muitos jovens brasileiros. Seja para trabalhar, estudar uma nova língua ou ainda conhecer novas culturas e pessoas diferentes. O intercâmbio é, com certeza, uma experiência única que proporcionará momentos inesquecíveis.

    No entanto, este não é um sonho tão simples de se realizar, pois envolve investimento financeiro. E é por isso, que é importante planejar.

    Nada é impossível, desde que você se organize e trabalhe duro para conquistar.

    Se você está pensando em fazer um intercâmbio, saiba que você não é o único. Esta é uma prática que tem sido tendência entre os jovens brasileiros nos últimos anos. De um forma geral, a maioria procura por especializações e novas experiências.

    Segundo os dados da Associação Brasileira de Agências de Intercâmbio, a Belta, no ano de 2017, mais de 300 mil brasileiros fizeram um intercâmbio. Os principais destinos foram Canadá (23%), Estados Unidos (21,6%), Reino Unido (10,2%), Nova Zelândia (6,9%) e Irlanda (6,5%). Além disso, ao todo, os Inter cambistas brasileiros estiveram em 39 países diferentes.

    E, se você está decidido e também pretende investir nessa viagem, confira as dicas que separamos.

    1. Escolha um país que você goste

    Fazer um intercâmbio é um ato corajoso que levará mais de 3 meses. Neste período você estará longe de muita coisa que gosta. Sendo assim, é importante que você avalie o lugar. Não adianta nada você ir para um país tropical se detesta o verão, por exemplo.

    1. Afinidade com a língua

    Por mais que você esteja embarcando em uma trip com o foco em aprender um novo idioma é importante que você já tenha afinidade com a língua falada neste lugar. Isso facilitará a comunicação e o acesso a diversos locais.

    1. Estudar e/ou trabalhar?

    Como já pontuamos anteriormente, o intercâmbio não é algo tão barato. Por isso organize as suas finanças e seja realista. Opte por aquilo que se adeque a sua realidade e às suas condições. Você pode fazer um intercâmbio apenas com a intenção de estudar, como pode optar, também, por trabalhar em um certo período a fim de levantar uma graninha para bancar custos extras.

    1. Planeje-se

    É importante planejar tudo. O período que ficará no país escolhido, onde irá estudar, a moradia e até mesmo uma reserva para eventualidades. Uma ótima forma de se organizar é escolhendo uma boa agência de intercâmbio e fazendo um consórcio.

    1. Organize suas finanças

    Para organizar as suas finanças nada melhor como optar por uma empresa que sabe o que faz. Uma empresa de confiança. Nesta hora o consórcio de serviços pode ser uma boa solução para que você faça tudo com cautela e planejamento. A maioria dos consórcios oferecem parcelas realistas e de fácil adesão. Sendo contemplado, você passa a ter mais opções para comprar à vista e possibilidades de negociações.

    E aí, ficou com vontade de colocar o pé na estrada e se jogar no mundo?

    Então conheça nossos planos de serviço. Com o Consórcio Promenac, o mundo cabe na palma da sua mão.

    Conheça o grupo 402.